Outros

As águas rolaram Temporal provoca vários pontos de alagamento em Três Pontas

Sol com muitas nuvens, pancadas de chuva à tarde e à noite, chegando ao máximo de 2 mm. É esta a previsão do Climatempo para Três Pontas nesta quarta-feira (31), último dia de 2014.

A probabilidade da água cair, inclusive com trovoadas, é grande, 99%, confirmam especialistas do CPTEC/INPE. Sendo assim, embora o volume previsto seja pequeno, quem for sair de casa deve levar o guarda-chuva para não ser surpreendido como aconteceu com muitos trespontanos na tarde de ontem (30).

Por volta das 16 horas, um temporal com rajadas de vento provocou correria de pedestres e paralisou o trânsito em vários pontos de alagamento. Alguns motoristas mais corajosos tentaram travessias em ruas totalmente inundadas, desafiando o perigo.

Na Avenida Oswaldo Cruz – mais uma vez – a água invadiu residências e pontos comerciais. O grande volume assustou também quem passou (ou tentou passar) pelas imediações do Conservatório Municipal de Música Heitor Villa-Lobos, no Centro.

Recentemente, a Prefeitura de Três Pontas retomou obras no Ribeirão Araras, na Avenida “Zé Lagoa”, essenciais para que toda chuva que desce de várias ruas, por exemplo, Avenida Ipiranga e Travessa D’Aparecida, concentrando-se na Oswaldo Cruz, seja – pelo menos – escoada com maior rapidez.

(Fotos: Equipe Positiva/Página Inicial: Marilda Serra)

Notícia anterior

Festejar, sim, mas também agradecer...

Próxima notícia

Lei entra em vigor e procura por extintor ABC cresce em Três Pontas

Arlene Brito

Arlene Brito

Jornalista formada pelo Centro Universitário do Sul de Minas (Unis-MG). Atuou em praticamente todos os órgãos de imprensa de Três Pontas (MG): TV Cidade, Rádio Três Pontas, Jornal Tribuna, Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal, Jornal Correio Trespontano e agora está à frente do site Sintonizeaqui. Indicada para compor a equipe de assessoria de imprensa do Governo de Minas Gerais (2003/2010), optou por continuar em sua Terra Natal registrando os principais fatos e acontecimentos e, assim, ajudar a escrever a história do Município conhecido internacionalmente como a Capital da Música e do Café.