Utilidade

Feira de Adoção – Evento consegue lares para 14 cãezinhos

A Feira de Adoção e Posse Responsável de Animais foi um sucesso na avaliação dos alunos do 5º período de Administração da Faculdade Cenecista de Varginha (Faceca). Os estudantes vieram em apoio à causa, se unindo a outros trespontanos que, não só se preocupam, mas também agem em nome dos direitos dos cães e gatos abandonados.

O evento movimentou a Praça Cônego Victor, em Três Pontas, na manhã de sábado (1º). Em parceria com várias empresas, os universitários promoveram atrações, em especial, para as crianças. Tendas com monitores de desenhos e de pintura facial, distribuição de pipoca e algodão doce e ainda exposição de produtos ecológicos fizeram parte da estrutura que contou também com serviço de som animando ainda mais os visitantes.

De acordo com o professor Popó – que deu suporte às equipes, ao lado da esposa Tânia – 14 cãezinhos foram adotados. Os donos assinaram um Termo de Responsabilidade.

Feira de Adoção 4jpgJéssica Diniz, 21 anos, moradora do Bairro Santa Marta encontrou no evento o animal que vai ocupar o espaço do cão que por anos fez companhia a ela e que morreu na semana passada. “Fui a um pet shop procurar por um cachorrinho para adoção e eles me indicaram a Feira, cheguei aqui e foi amor à primeira vista”, conta. Jéssica comentou que está ciente de que precisará cuidar do novo amigo com carinho e muito respeito.

Quem também levou um cãozinho para casa foi a família de Davi Feira de Adoção 7jpgRodrigues do Carmo, que reside no Bairro Cidade Jardim. “Já temos uma cachorrinha, mas as crianças gostam demais e viemos buscar mais uma. Sabemos das nossas responsabilidades e vamos cuidar desta também”, garante Davi.

A Feira é parte de um projeto acadêmico institucional denominado Amor de Cão, idealizado em 2005 e que, desde então, tenta inserir o maior número possível de animais abandonados em um lar onde eles sejam tratados com respeito, amor e dignidade. Outro objetivo é sensibilizar a respeito da obrigatoriedade do dono em garantir ao bichinho o bem estar, respeitando as necessidades dele e jamais o submetendo a maus tratos.

O projeto conta com o acompanhamento de professores da Faceca e cabe também aos estudantes elaborar abrangente campanha publicitária. Três Pontas foi escolhida para a ação por possuir grande quantidade de animais abandonados, apesar do desdobramento dos voluntários da ONG Amor Animal e outros cidadãos.

Feira de Adoção 8jpg

Popó após apresentação do castramóvel a um grupo de visitantes da Feira

Castramóvel – um sonho com passos dados a caminho da realização

Entre os defensores mais atuantes de Três Pontas estão Popó e Tânia e eles acabam de iniciar a realização de um sonho. Com recursos próprios montaram um castramóvel que começa a ser adaptado segundo as exigências da Vigilância Sanitária.

O professor que também compõe bancada na Câmara de Vereadores pelo SD explica que, em parceria com a veterinária Maíra, muito em breve – dentro de aproximadamente um mês – serão intensificadas as castrações no Município. A intenção é promover a cirurgia, aos domingos, em cadelas e gatas de donos com baixo poder aquisitivo. Outra ideia é levar o projeto até a região rural onde o controle de natalidade dos animais foge bastante ao ideal e de onde vem grande parte de cães e gatos abandonados nas vias públicas urbanas.

Popó diz que realizará o levantamento da demanda por bairros e que a presença do castramóvel será divulgada antecipadamente.

“O grande problema da superpopulação de cães de rua é o abandono, então, o trabalho de conscientização e sensibilização das pessoas também é super importante”, reforça.

Quem puder colaborar com o projeto, inclusive com sugestões e informações, deve entrar em contato pelo facebook do professor ou pelo telefone (35) 9931-8337.

 

 

 

Notícia anterior

Seca - Decreto de Emergência está em vigor

Próxima notícia

Outubro Rosa cede espaço para o Novembro Azul

Arlene Brito

Arlene Brito

Jornalista formada pelo Centro Universitário do Sul de Minas (Unis-MG). Atuou em praticamente todos os órgãos de imprensa de Três Pontas (MG): TV Cidade, Rádio Três Pontas, Jornal Tribuna, Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal, Jornal Correio Trespontano e agora está à frente do site Sintonizeaqui. Indicada para compor a equipe de assessoria de imprensa do Governo de Minas Gerais (2003/2010), optou por continuar em sua Terra Natal registrando os principais fatos e acontecimentos e, assim, ajudar a escrever a história do Município conhecido internacionalmente como a Capital da Música e do Café.