Política

Mais de 42 mil eleitores devem ir às urnas neste domingo, em Três Pontas Para votar é preciso apresentar documento com foto

Urna EletrônicaSegundo informações do Cartório Eleitoral, 42.164 eleitores estão aptos a escolher, em Três Pontas, os seus representantes durante as Eleições deste domingo (5). Aqui, contando os dois pontos instalados no Quilombo Nossa Senhora do Rosário e Pontalete, serão 14 locais de votação.

 Em Santana da Vargem, cidade servida pela Comarca trespontana, os números são 3 e 5.750, respectivamente, totalizando 17 locais de votação e 47.914 eleitores. A Justiça Eleitoral disponibilizou 137 urnas eletrônicas para servir aos dois municípios.

“Todos devem levar um documento oficial com foto”, avisa a chefe do Cartório Eleitoral, Maria Rosa Guimarães Miari. Serão aceitos carteira de identidade, certificado de reservista, carteira de trabalho, carteira nacional de habilitação com foto, identidades funcionais e o passaporte. Caso o eleitor não possua um documento com foto não poderá votar usando certidão de nascimento ou de casamento.

A votação acontecerá de 8 às 17 horas. Para facilitar, é importante que o eleitor leve uma colinha, ou seja, os números dos candidatos anotados. Por ordem serão escolhidos deputado estadual, deputado federal, senador, governador e presidente.

Em Minas, segundo maior colégio eleitoral do País, atrás apenas de São Paulo, é esperado o comparecimento de 15.248.681 eleitores. O número do eleitorado nacional é de 141.824.607, 4,43% a mais do que em 2010 quando o montante era de 135.804.433 eleitores.

É BOM SABER TAMBÉM

Sim e Não no dia da votação

(Resolução 23.399 do Tribunal Superior Eleitoral – TSE)

Positivo

Pode

  • Manifestação individual e silenciosa da preferência do eleitor, revelada exclusivamente pelo uso de bandeiras, broches e adesivos.

Negativo

Não pode

  • Aglomeração de pessoas em qualquer local público ou aberto ao público portando vestuário padronizado, caracterizando manifestação coletiva.

 

  • Na cabina de votação: portar aparelho de telefonia celular, máquinas fotográficas, filmadoras, equipamento de radiocomunicação ou qualquer instrumento que possa comprometer o sigilo do voto, devendo ficar retidos na Mesa Receptora enquanto o eleitor estiver votando (Lei n° 9.504/97, artigo 91-A, parágrafo único).

 

  • Vender, distribuir e fornecer bebidas alcoólicas no dia da eleição entre 6 e 18 horas (Resolução Conjunta nº 190, conhecida como “Lei Seca” – Secretaria de Estado de Defesa Social, Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros de Minas Gerais)

 

Voto em trânsito

Eleitores que já sabiam com antecedência que iriam estar fora de sua cidade no dia das eleições, puderam se cadastrar de 15 de julho a 21 de agosto para votar em trânsito. Eles tiveram que escolher alguma capital ou um município com mais de 200 mil eleitores (que não o seu domicílio eleitoral) para votar. Quem se habilitou para votar em trânsito e não votar deverá justificar.

 Justificativa

O eleitor que estiver fora de sua cidade pode justificar a ausência em qualquer local de votação, das 8 às 17h. Para justificar no dia da eleição, o eleitor deverá ter o número do título, um documento de identificação com foto e o formulário de justificativa preenchido. Se o eleitor não se justificar no dia das eleições, tem até 60 dias para fazê-lo (até 4 de dezembro de 2014, com relação ao primeiro turno e até 26 de dezembro de 2014, com relação ao segundo turno), em qualquer cartório eleitoral, apresentando documento que justifique a ausência, por exemplo, atestado médico. Não precisa justificar, caso não vote, o eleitor facultativo (analfabetos, os maiores de 70 anos e para quem tem 16 ou 17 anos).

 Justificativa do eleitor no exterior

Para o eleitor que estiver fora do País no dia das eleições, a justificativa pode ser feita em até 30 dias, a contar do seu retorno ao Brasil, devendo apresentar cópia do documento oficial de identificação e comprovante dos motivos alegados para justificar a impossibilidade do exercício do voto.

  • Vale lembrar que, em qualquer caso de ausência ao pleito, o eleitor não poderá fazer a justificativa pela internet.
  • Dúvidas podem ser esclarecidas também pelo Disque-Eleitor (148), de 7 às 19h.

(Fonte: TRE/MG) 

 

Notícia anterior

Farmácias de Plantão em Três Pontas

Próxima notícia

Eleições 2014 - Em Três Pontas, pleito é marcado pela calmaria

Arlene Brito

Arlene Brito

Jornalista formada pelo Centro Universitário do Sul de Minas (Unis-MG). Atuou em praticamente todos os órgãos de imprensa de Três Pontas (MG): TV Cidade, Rádio Três Pontas, Jornal Tribuna, Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal, Jornal Correio Trespontano e agora está à frente do site Sintonizeaqui. Indicada para compor a equipe de assessoria de imprensa do Governo de Minas Gerais (2003/2010), optou por continuar em sua Terra Natal registrando os principais fatos e acontecimentos e, assim, ajudar a escrever a história do Município conhecido internacionalmente como a Capital da Música e do Café.