Moda / BelezaNotícias

Natália Azevedo – Miss Mundo Belo Horizonte é Miss Solidariedade em Três Pontas

Arlene Brito

De relevância histórica e cultural, o Teatro Marília foi palco de expressivo concurso de beleza feminina. Na noite de 5 de julho, 12 jovens da capital e da Grande BH – que já tinham enfrentado acirrada seletiva – desfilaram seus encantos, sonhando com a coroa de Miss Mundo Belo Horizonte.

Natália Azevedo durante recepção às candidatas ao “Rainha Expocafé Girl Coffee International 2016”, em Três Pontas

Entre as candidatas, uma é conhecida do povo trespontano. Natália Azevedo participou do “Rainha Expocafé Girl Coffee International 2016”. No Concurso, assinado pela Wofse Produções, a belorizontina recebeu o título de “Miss Solidariedade”. O diretor Willian Rosa lembra que Natália conquistou as demais oito concorrentes ao esbanjar delicadeza, atenção e ao estar sempre pronta para ajudar nas atividades desenvolvidas nos dias em que as meninas estiveram reunidas em Três Pontas. “A Natália é uma pessoa especial. Além de bela, tem carisma. Naturalmente ela se destaca com sua fina educação e bondade”, comenta Willian Rosa.

Na “Capital Mundial do Café”, Natália Azevedo empatou com Sharllenyy de Bem, da cidade de Machado e acabou perdendo o posto de 2ª Princesa por décimos de pontos, após a reavaliação dos jurados. “Embora eu não tenha ganhado aí em Três Pontas, foi excelente porque o Rainha Expocafé me deu força e vontade de tentar novos concursos”, revela Natália.

Determinação, amor à terra natal, atenção ao próximo se destacam na Miss Mundo Belo Horizonte 2017, Natália Azevedo

E que porta foi aberta! No início do mês, a modelo e estudante de Design de Moda  foi eleita a Miss Mundo Belo Horizonte. Ela está entre as candidatas ao título de Miss Mundo Minas Gerais, que será disputado no mês de novembro em Patos de Minas, no Triângulo Mineiro. “É a realização de um sonho. Eu precisava sentir que tenho um título oficial de Belo Horizonte, precisava sentir o reconhecimento da minha cidade, da minha prefeitura, do Conselho Municipal de Cultura, da Belotur. Sou muito ligada a essas questões de levar o que é meu, de levar a minha verdade para as passarelas, por onde eu vou”, comemora.

Para Natália Azevedo será uma honra concorrer no estadual, defendendo a capital mineira, sua terra querida. “Vou continuar me preparando, me empenhando porque quero trazer o título para Belo Horizonte. Tomara que eu consiga trazer a coroa”, deseja.

E é esta a vontade também dos trespontanos que tiveram a oportunidade de conhecer a meiga e determinada jovem. Uma dessas pessoas é a Miss Três Pontas 2016, Antonielly Amanda. “Desejo toda a sorte pra Natália, minha torcida é dela e ela sabe disso. BH está bem representada e, caso ela ganhe, Minas Gerais estará bem representada”. 

A Miss Três Pontas 2016 conta que tão logo conheceu Natália no “Rainha Expocafé” virou amiga e fã. “Além de profissional competente e bem preparada, ela é muito humana e generosa. A beleza externa é só reflexo da sua beleza interior”, observa Antonielly.

Social

Em novembro, Miss Mundo BH 2017, Natália Azevedo, concorrerá ao título de Miss Mundo Minas Gerais

O Miss Mundo Belo Horizonte foi realizado por Alexandre Lázaro em parceria com Jackson Caetano, diretor da agência Versailles Models. Segundo o idealizador do evento, o Concurso Miss Mundo Belo Horizonte ostenta um projeto social. Através dele, a miss eleita é inserida na sociedade com o propósito de ajudar ao próximo. “Queremos quebrar o tabu de que toda miss tem que ser carinha bonita e corpo todo simétrico, não! Miss tem que ter conteúdo e dar seu exemplo de cidadania. Se ela representa uma população ou uma nação, ela tem que dar sua contribuição para a sociedade”, diz Alexandre Lázaro.

Pelo que foi revelado por Natália em Três Pontas, ela terá facilidade ao cumprir essa missão: nova enquanto Miss Mundo BH, mas já praticada em seu cotidiano. 

Sobre o Rainha Expocafé Girl Coffee International 2016, foram eleitas Ana Luiza Rodrigues (Rainha-Lavras), Bruna Rezende (1ª Princesa-Varginha) e Sharllenyy de Bem (2ª Princesa-Machado). Neste ano, ficaram com o título Ellen Teodoro (Rainha-Florianópolis), Diana Pereira (1ª Princesa-Três Pontas) e Marlucy Oliveira (2ª Princesa-Alfenas).

Notícia anterior

Está de férias? Assista ao vídeo, aprenda a fazer Boneco de Alpiste e divirta-se com a criançada

Próxima notícia

Dia do Motociclista será comemorado com "motociata" em Três Pontas

Arlene Brito

Arlene Brito

Jornalista formada pelo Centro Universitário do Sul de Minas (Unis-MG). Atuou em praticamente todos os órgãos de imprensa de Três Pontas (MG): TV Cidade, Rádio Três Pontas, Jornal Tribuna, Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal, Jornal Correio Trespontano e agora está à frente do site Sintonizeaqui. Indicada para compor a equipe de assessoria de imprensa do Governo de Minas Gerais (2003/2010), optou por continuar em sua Terra Natal registrando os principais fatos e acontecimentos e, assim, ajudar a escrever a história do Município conhecido internacionalmente como a Capital da Música e do Café.