NotíciasPoliciais

Polícia Militar de Três Pontas divulga projeto Celular Seguro

O roubo de celular vem ganhando destaque em todo o país. Estima-se que no Brasil existam mais de 280,7 milhões de aparelhos celulares, sendo que 03 em cada 10 pessoas possuem um Smartphone. São mais de 26 milhões de aparelhos apenas no estado de Minas Gerais. É muito comum, hoje em dia, um aparelho na mão de uma pessoa andando pela rua, sentada no banco de praças e até mesmo nos bolsos de trás de calças. Este grande número de aparelhos celulares aguça a ambição de ladrões, impactando diretamente nos índices criminais e na sensação de segurança. O Brasil já se tornou o segundo país com maior número de dispositivos móveis roubados por ano.

Os aparelhos celulares roubados podem ter três destinos distintos: 1 – cidadão receptador: aquele que adquire o aparelho a preço abaixo e incompatível com o verdadeiro valor do aparelho;  2- lojas de celulares que trabalham com atividades clandestinas: que por vezes revendem o aparelho a clientes que desconhecem a procedência ilícita do celular; 3 – boca de fumo e traficantes: uma vez que os celulares são utilizados como moeda de troca por drogas pelos usuários que praticam o roubo.

Como característica regional do “modus operandi” dos ladrões de celulares, estes optam por atuar no período da noite, em locais com iluminação fraca e com poucas pessoas próximas, aproveitando-se da distração das vítimas. A ação dos ladrões é rápida e dificulta até mesmo às vítimas perceberem quem as roubou. O estado emocional dificulta para a vítima repassar para a polícia as características do ladrão.

A Polícia Militar em Minas Gerais busca reverter este cenário que envolve os roubos de celulares. O Projeto “Celular Seguro” consiste em um cadastro estadual dos números de IMEI dos aparelhos celulares no site da Polícia Militar, no endereço www.policiamilitar.mg.gov.br/celularseguro. Caso o celular seja roubado, o cadastro possibilita acionar o alarme de roubo. Para consultar o número de IMEI dos celulares, basta apenas teclar *#06# .

A ferramenta virtual permite à Polícia Militar ter mais um meio de consulta de aparelhos roubados. Durante as abordagens a pessoas suspeitas, a Polícia Militar poderá fazer a consulta se o aparelho é roubado ou não. Além disso, o “Celular Seguro” permite às pessoas que fizeram o cadastro no site, acessar ferramenta de rastreamento e de compartilhamento das informações, em redes sociais, do celular roubado.

Para ter acesso à esta funcionalidade e saber mais sobre o Projeto “Celular Seguro”, basta apenas acessar o endereço na internet www.policiamilitar.mg.gov.br/celularseguro e fazer o cadastro. Não tem custo. Lembre-se de ter sempre anotado o número de IMEI do aparelho celular.

(Assessoria de Comunicação Organizacional da 151ª Cia PMMG – Três Pontas)

(Página principal: Ilustrativa Net)

Notícia anterior

IML de Lisboa deve liberar corpo do jornalista Artur Almeida ainda hoje

Próxima notícia

Está de férias? Assista ao vídeo, aprenda a fazer Boneco de Alpiste e divirta-se com a criançada

Arlene Brito

Arlene Brito

Jornalista formada pelo Centro Universitário do Sul de Minas (Unis-MG). Atuou em praticamente todos os órgãos de imprensa de Três Pontas (MG): TV Cidade, Rádio Três Pontas, Jornal Tribuna, Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal, Jornal Correio Trespontano e agora está à frente do site Sintonizeaqui. Indicada para compor a equipe de assessoria de imprensa do Governo de Minas Gerais (2003/2010), optou por continuar em sua Terra Natal registrando os principais fatos e acontecimentos e, assim, ajudar a escrever a história do Município conhecido internacionalmente como a Capital da Música e do Café.