Outros

Beatificação de Padre Victor – Começam as obras na Matriz

Reforma Matriz D Ajuda Beatificação de Padre Victor 2.jpg

Capela do Mártir São Sebastião cederá espaço a Padre Victor, à direita do Altar principal da Matriz D’Ajuda

Carismático, Padre Mateus Arantes da Silva avisou na Missa dos Romeiros, celebrada às 10h30min de domingo (6), que as pessoas não se aproximem dos tapumes no interior da Matriz. Isto porque, alertou, se alguém se aproximar e tocar as madeiras que isolam a obra… todos vão saber – pela tentativa de espionagem –  que a pessoa é curiosa.

A brincadeira levou a gargalhadas os devotos e demais fiéis que lotavam o Templo naquela manhã. Assim, com muita descontração, Padre Mateus – responsável pela Infraestrutura e Logística na Comissão para a Beatificação do Venerável Padre Victor – anunciou que na segunda-feira (7) seria iniciada a adaptação da Igreja Matriz Nossa Senhora D’Ajuda, no Centro de Três Pontas, em atendimento justamente à Beatificação pré-agendada para 21 de novembro.

De fato, as obras começaram. Os tapumes já podem ser vistos à direita do Altar. A Capela do Mártir São Sebastião cederá lugar a Padre Victor. As imagens que lá permaneceram por muitos anos serão reposicionadas nos dois altares laterais da Igreja.

Reforma Matriz D Ajuda Beatificação de Padre Victor 6.jpg

Local onde se encontra o túmulo de Padre Victor deverá se tornar a Capela de Nossa Senhora Aparecida

No sábado, 6 de junho, quando Três Pontas recebeu a notícia que o Papa Francisco havia, no dia anterior (5), assinado o Decreto autorizando a Beatificação, o Pároco da Paróquia Nossa Senhora D’Ajuda, Ednaldo Barbosa, comentou que ali seria o lugar do Anjo Tutelar dos trespontanos na majestosa Igreja, um dos mais belos cartões postais do Município. As mudanças, antecipou o Padre, já estavam sendo definidas em conjunto com a Comissão de Arte Sacra da Diocese da Campanha.

Sendo assim, o futuro Beato ganhará novo espaço no interior da Igreja. Onde hoje se encontram os restos mortais de Padre Victor provavelmente se tornará a Capela de Nossa Senhora Aparecida.

Segundo Padre Ednaldo, uma imagem está sendo confeccionada em Roma para ornamentar o local onde permanecerão os restos mortais do atual Venerável. Uma outra, disse o Pároco, foi elaborada por um artista em São João Del Rei (MG) e passará por avaliação do Bispo, Dom Diamantino Prata de Carvalho. Se aprovada, ela se tornará oficial após a Solenidade de Beatificação e passará a ocupar altares de várias igrejas da Diocese. 

O pedido da Paróquia é que as pessoas tenham paciência nesse momento em que alguns transtornos podem acontecer, tais como, o barulho das ferramentas em ação ou procura por uma imagem que não esteja no lugar de costume. “É por uma boa causa. Haverá mudanças, mas a Igreja continuará linda como a Senhora D’Ajuda, Padre Victor, todos os Santos nela reunidos, comunidade e devotos merecem”.

Devota de Padre Victor 1

Devoção 

“Sou de Três Pontas, moro em Belo Horizonte e hoje vim aqui no Memorial Padre Victor trazer um material em pagamento a uma promessa que fiz para meu filho, João Pedro. Com certeza alcancei uma graça por intermédio de Padre Victor. Estou muito feliz com a assinatura do Decreto pelo Papa Francisco e com a Beatificação que acontecerá em breve”.

(Roziane Vita Barroso com o filho João Pedro e com o esposo José Vidal de Oliveira, em 6 de junho de 2015)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Notícia anterior

Habilidades Gerenciais são o novo foco de curso na Associação Comercial de TP

Próxima notícia

Mário Henrique “Caixa” anuncia recursos para Serviço Odontológico e Pronto Atendimento Municipal de Três Pontas

Arlene Brito

Arlene Brito

Jornalista formada pelo Centro Universitário do Sul de Minas (Unis-MG). Atuou em praticamente todos os órgãos de imprensa de Três Pontas (MG): TV Cidade, Rádio Três Pontas, Jornal Tribuna, Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal, Jornal Correio Trespontano e agora está à frente do site Sintonizeaqui. Indicada para compor a equipe de assessoria de imprensa do Governo de Minas Gerais (2003/2010), optou por continuar em sua Terra Natal registrando os principais fatos e acontecimentos e, assim, ajudar a escrever a história do Município conhecido internacionalmente como a Capital da Música e do Café.