Qualidade de Vida / Saúde

Dia Mundial da Saúde – Em TP, serviço à população e intensificação do chamamento ao combate à dengue

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) encabeçou um movimento que chamou a atenção de quem passou pela Praça Dr. Tristão Nogueira, Centro de Três Pontas, na tarde desta terça-feira (7). Com apoio de outros segmentos, tais como Educação, Cultura e Assistência Social, foram desenvolvidas várias ações em comemoração ao Dia Mundial da Saúde.

Sob uma das tendas armadas especialmente para o evento, profissionais realizaram testes glicêmicos e aferiram a pressão arterial de inúmeros cidadãos. O tempo todo, eles orientaram sobre a importância das medições para diagnóstico de Diabetes e Hipertensão.

Ao lado, crianças e adultos puderam conhecer mais de perto várias fases da larva e ainda o mosquito adulto Aedes aegypti – transmissor da Dengue. A observação foi conduzida por um convidado, o Agente de Saúde da Superintendência Regional de Saúde (SRS) de Varginha, Geraldo Pereira da Costa.

Com 80 casos confirmados no Município, somente neste ano, a Dengue se tornou o principal assunto. A Secretaria de Saúde aproveitou a data para intensificar atividades de conscientização e de sensibilização da comunidade em relação ao papel de cada um na luta contra a doença.

Um dos temas abordados durante a festividade foi a eliminação dos criadouros, ou seja, de locais onde o mosquito da Dengue procria. Através de conversas, de panfletagem, de recursos visuais criativos, por exemplo, gente vestida de Aedes aegypti, enfim, de bastante explicação foi reforçado que o melhor remédio contra a Dengue é acabar com a proliferação do transmissor.

E neste sentido, a Catadora de Materiais Recicláveis, associada da Atremar, Mariley de Fátima Miranda, mostrou que a coleta seletiva ajuda na limpeza da Cidade e contribui significantemente para o fim de objetos que podem acumular água e se tornar “berçário” de Dengue. Assim, esclareceu que separar os materiais recicláveis para a Coleta Seletiva Solidária é fundamental para a qualidade de vida de todos, afinal o mosquito quer mesmo é se reproduzir e picar, independente da idade, do sexo, da raça, da condição financeira de seus escolhidos.  Então, concluiu Mariley, evitar que ele sobreviva para fazer vítimas é dever de cada um.

Outra presença especial nas comemorações do Dia Mundial da Saúde em Três Pontas foi a de professores e alunos da Escola Estadual Cônego José Maria. Empunhando cartazes, cantando e até com “entrevista ao vivo”, eles mostraram que estão cientes dos riscos oferecidos pelo Aedes aegypti. O grito de guerra da turma se transformou em mais uma prova do conhecimento dos “trespontaninhos” sobre o sério assunto. “Veja só que interessante, um mosquito tão pequeno derrotando um Gigante”, repetiram incontáveis vezes em alta e firma voz, numa referência às epidemias de Dengue registradas em todo o Brasil.

Eliminar os criadouros como forma mais eficiente de evitar a Dengue também se tornou a bandeira, ou melhor, placas informativas erguidas por integrantes do Pró-Jovem.

Tanto barulho em torno do Aedes aegypti e da Dengue tem explicação. Além dos casos confirmados, até o momento Três Pontas está com 525 notificações, 01 morte confirmada e 01 morte sob investigação.

“O que nós estamos fazendo aqui é chamando a atenção da população. Temos que transformar os 56 mil trespontanos em agentes de endemias, só assim conseguiremos debelar essa infestação de Dengue e todas as outras situações de agravamento que podem e devem ser combatidas diariamente”, disse o Secretário Municipal de Saúde, Hermógenes Vaneli.

O apelo é para que a população entre de fato no combate ao Aedes aegypti já que a maioria dos focos do mosquito é encontrada dentro das residências. Vaneli argumentou que não há Prefeitura no País que, com apenas os servidores e em especial agentes de endemias, consegue dominar a Dengue.

“A primeira vítima é o morador. Combater essa doença não pode ser uma ação política, partidária; tem que ser com envolvimento comum porque não temos condições, apesar de todo esse aparato que vocês estão vendo aqui, de frear essa praga que está dizimando a população brasileira”, convocou o Secretário.

Toda a movimentação alusiva ao Dia Mundial da Saúde contou com o prestígio do Prefeito Paulo Luis Rabello. O Gestor elogiou o empenho dos servidores da Prefeitura e, em seguida, garantiu que o trabalho de combate à Dengue na Cidade está acirrado, contando, inclusive, com apoio do Governo de Minas. Do Estado, entre os itens de ajuda, está o veículo disponibilizado para aplicação de fumacê nas situações previstas pela legislação específica.  Ao lado do Prefeito estava o Vice, Erik dos Reis Roberto.

Mensagens contra o tabagismo e ainda a presença de membros do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher, dentre eles a Vereadora Valéria Evangelista Oliveira, compuseram o cenário e a movimentação armados com a finalidade de mostrar que a saúde é a maior riqueza do indivíduo, portanto, precisa e merece ser zelada por todos, todos os dias.   

A comemoração foi encerrada com caminhada até a Praça Cônego Victor, agitada pela Banda Meninos da Vila.  A Polícia Militar e a Guarda Civil Municipal (CGM) deram suporte a fim de garantir o bom andamento das atividades.

A data

O Dia Mundial da Saúde, comemorado em 7 de abril, foi criado em 1948 pela Assembleia Mundial da Saúde. O objetivo é conscientizar a população a respeito da qualidade de vida e dos diferentes fatores que afetam a saúde populacional. Essa data foi estabelecida para coincidir com a data de fundação da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Todos os anos campanhas são realizadas a respeito de um tema diretamente relacionado com a saúde. Essas ações são importantes para que a população aprenda a se cuidar e se informe sobre seus direitos quando o assunto é promoção da saúde. (Brasil Escola).

Notícia anterior

Dia do Jornalista será comemorado com debate e manifesto

Próxima notícia

Malote de dinheiro é furtado em uma das Avenidas mais movimentadas de TP

Arlene Brito

Arlene Brito

Jornalista formada pelo Centro Universitário do Sul de Minas (Unis-MG). Atuou em praticamente todos os órgãos de imprensa de Três Pontas (MG): TV Cidade, Rádio Três Pontas, Jornal Tribuna, Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal, Jornal Correio Trespontano e agora está à frente do site Sintonizeaqui. Indicada para compor a equipe de assessoria de imprensa do Governo de Minas Gerais (2003/2010), optou por continuar em sua Terra Natal registrando os principais fatos e acontecimentos e, assim, ajudar a escrever a história do Município conhecido internacionalmente como a Capital da Música e do Café.