Qualidade de Vida e Saúde para o trespontano

Dia Mundial da Atividade Física – Ser fisicamente ativo aumenta a imunidade, portanto, recomendável até em momento de Covid-19, incentiva fisiologista trespontano

Relembrar a importância de se movimentar incentivando as pessoas a adotarem um estilo de vida fisicamente ativo. Com esse propósito é comemorado em 6 de abril, o Dia Mundial da Atividade Física.  Neste ano, o tema “Todo passo conta”, destaca que para combater o sedentarismo é preciso apenas disposição. E existe um bom motivo para se tomar essa atitude. Abandonar a inatividade física é reforçar a imunidade e diminuir o risco de ser acometido por várias doenças, tais como, diabetes, hipertensão, enfarte, angina, acidente vascular cerebral (AVC), obesidade, depressão e demência.

De acordo com o fisiologista do Núcleo de Desenvolvimento de Saúde Reabilitação Ideal, Paulo César Brito Campos, a atividade física é qualquer movimento corporal produzido pelos músculos que resulte em gasto de energia. Ele destaca que as opções de exercícios são infinitas para serem executadas em diferentes níveis de habilidades, mas todos com determinação. “A atividade física deve ser encarada de forma muito disciplinar, sem contar com a força de vontade que pode levar as pessoas à procrastinação. A força de vontade tem influência emocional momentânea e se a pessoa a considera como motivo para se exercitar, perde a disciplina mediante a prática”.

Paulo César Brito Campos é professor especialista, fisiologista, cinesiologista, terapeuta ortomolecular e proprietário da Clínica Reabilitação Ideal, de Três Pontas (Confef/Crefs sob nº 038413-G/MG)

Atividade física x Covid-19

Se o aumento da imunidade está entre os benefícios, então, a atividade física é fundamental neste período de pandemia do novo Coronavírus. Enquanto as academias e clubes esportivos de Três Pontas seguem temporariamente fechados, existem meios de não suspender o treino por completo. Caminhar, correr, andar de bicicleta são algumas recomendações. “Quem optar por exercícios ao ar livre deve respeitar as recomendações da Organização Mundial da Saúde e do Ministério da Saúde, ou seja, manter distância de pelo menos um metro e meio de outras pessoas e praticar a etiqueta respiratória e higiênica”. Mas se preferir, completa Paulo César, “faça exercícios em casa mesmo: dance, pule corda, jogue bola – e se tiver, use a esteira, a bicicleta ergométrica, os halteres – que também devem ser bem higienizados”.

Para o fisiologista, o momento é oportuno para os sedentários saírem de suas zonas de conforto. Com o isolamento social há mais tempo vago, portanto, a falta dele (do precioso tempo) não é mais desculpa. Paulo César comenta que é importante começar. “Trinta minutos de atividade física leve, cinco vezes por semana, já é um ótimo começo e, de imediato, corpo e mente sentirão reflexos positivos”, garante. “Experimente alguns exercícios aeróbicos e deixe os de resistência – feitos com peso, musculação – para quando você puder contar com um educador físico por perto”, complementa.

Estou doente e aí?

Se houver sintomas da doença (febre, tosse, falta de ar), o melhor na opinião do fisiologista da Reabilitação Ideal e não se exercitar. Isto porque, explica, o exercício físico gera um estresse específico para que o corpo se recupere com uma super compensação, esse processo se chama hormese. “Quando alguém está infectado, o sistema imunológico dessa pessoa está todo voltado à defesa, combatendo o causador da doença e o exercício físico se torna contraindicado nesse momento. Então, se houver resfriado ou suspeita de infecção, inclusive pelo novo Coronavírus, a pessoa deve se reservar. Melhorando, retoma a atividade física”.

Paulo César lembra que paralelamente à prática da atividade física quem busca saúde precisa ter bons hábitos alimentares. A combinação, defende, é uma estratégia eficaz para manter o bom humor e a qualidade de vida.


Quem tem credibilidade conta com os melhores parceiros!
O SintonizeAqui agradece aos seguintes apoiadores:

Notícia anterior

Semana Santa - Confira a programação das Paróquias de Três Pontas e participe!

Próxima notícia

Câmara de TP declara Utilidade Pública à Liga Espírita Caminho da Luz