Educação, Cultura e Lazer em Três PontasOutros

Trespontanos se unem em nome da Promoção e Igualdade Racial E organizam palestra para esclarecer importância da criação de um conselho municipal que trabalhe o assunto

Conselho Municipal Promoção Igualdade Racial 1

Criar política pública que inclua e valorize as diversidades etno raciais em Três Pontas é proposta do movimento que pede a implantação do Conselho (Arte: Boa Semente)

Treze de maio. Na data em que se comemora a assinatura da Lei Áurea pela Princesa Isabel (1888), um grupo de trespontanos promoverá uma ação de conscientização sobre a importância de a Cidade onde viveu o primeiro Beato Negro do Brasil, Padre Victor, criar o Conselho Municipal de Promoção e Igualdade Racial.

Às 19 horas, a Professora Rose Oliveira, que preside instituição de mesmo teor em Lavras, vai falar à comunidade sobre os fundamentos da criação. A palestra será realizada no Auditório da Associação Comercial e Agroindustrial, no Centro de Três Pontas.

Tiago Henrique da Silva 2

Tiago Henrique da Silva está entre as lideranças do movimento

“Convidamos a população para participar e apoiar a nossa proposta”, diz Tiago Henrique da Silva, um dos envolvidos no movimento pela implantação do Conselho. Ele conta que vários segmentos já se uniram e buscam maior adesão junto a entidades locais, dentre elas, Associação Afro Trespontana, Associação de Atletismo, OAB, escolas estaduais e sociedade. Para reforçar, também são mobilizados movimentos afro de outras cidades da região.

“Nossa intenção é apresentar ao Poder Público uma manifestação também pública pela criação do Conselho Municipal de Promoção e Igualdade Racial de Três Pontas, um instrumento de participação popular alicerçado no Decreto 4.886, de 20 de novembro de 2003, sendo uma instância pública de participação democrática”,explica.

Através do Conselho, continua Tiago Henrique, poderão ser formuladas políticas, valorizada a história e a cultura, enfim, os trespontanos terão o direito e a liberdade legal de atuar junto ao Executivo, contribuindo na administração do Município no sentido de promover e inserir a população excluída por questões etno raciais.

Notícia anterior

Farmácias de Plantão em Três Pontas

Próxima notícia

Rainha Expocafé Girl Coffee International: estudante de estética representa Santana da Vargem no Concurso da Wofse Produções