Aqui Notícias de Três Pontas e regiãoEducação, Cultura e Lazer em Três PontasTopo

Estudantes se emocionam ao visitar lar e conhecer realidade de idosos

Arlene Brito

Primeira turma que visitou a Vila São Vicente de Paulo com as professoras Rosiely, Madalena e Vanessa Miranda

A meiguice saltando aos olhos expressou o sentimento que mexeu com Luna Pereira naquele primeiro encontro. “Senti um amor especial por eles. São pessoas carentes, são especiais. As pessoas devem vir aqui, devem visitar porque eles precisam muito de amor e de carinho”, percebeu a estudante. Se eles conquistaram o coração de Luna, ela também despertou encantamento. Glória, a “cartão de visitas” da Vila São Vicente de Paulo de Três Pontas não desgrudou da menina de 11 anos, um afeto que brotou instantaneamente.

Professora Madalena mostra que ‘a vida muda’ e ensina valores, tais como, amor ao próximo

A visita aconteceu no final de setembro, mês da Bíblia, e já antecipando a comemoração do Dia do Idoso – festejado em 1º de outubro. As turmas do 6º ano ao 9º ano – Ensino Fundamental da Escola Coração de Jesus-Objetivo foram até a instituição, orientadas por Maria Madalena Tavares. Foi um complemento, explica a professora de Ensino Religioso. “No conteúdo denominado ‘Todos nós fazemos parte do processo’ falamos sobre a vida, a linha do tempo. Com a visita à Vila Vicentina, trabalhamos a solidariedade, o desapego, nos conscientizamos que a vida muda, assim concretizamos o que trabalhamos em sala de aula”, analisa a pedagoga.

Quando voltar ao lar dos velhinhos, Mariana Vasco Mesquita levará balas para presentear os moradores, afinal Manoela Emídio pediu, meio à descontraída conversa com os alunos. “Foi muito bom conhecer essa gente divertida. Quero vir para conhecer um pouco mais”, programa a aluna sorridente.

 

Alucéia e Yasmim: nasce uma nova amizade

Bastante emocionada, Yasmin de Souza mal conseguiu dizer o que sentiu ao se deparar com aquelas mulheres bem cuidadas, falantes, com seus batons, colares e bonecas, alegres, vaidosas, agradecidas pela visita. Saber que muitas não têm ninguém, que muitas foram ali entregues pela família que nunca mais voltou mexeu com o coração da estudante. Quem falou foi Alucéia Tomáz. “Nos alegramos com essa moçada aqui em nossa casa, nos trazendo amor, carinho. Achamos muito bom”, disse a moradora.

Kívia Lima e Rafael Mesquita Abreu também estavam na primeira turma que foi à Vila naquela manhã. Alegria, amor, compaixão foi o que sentiu Kívia.  Ao lado de Cida Cortelazzi, ela comentou o quanto ama os pais e percebeu a necessidade de se preparar bastante para cuidar deles: João e Ivanilde, para que tenham uma velhice bem vivida no seio da família que iniciaram.

Já para Rafael foi um reencontro. “Ah, é uma felicidade rever essas pessoas que são muito boas”, resumiu, deixando – principalmente para os familiares dos velhinhos – o convite para que façam o mesmo: visitem a Vila e deem atenção àqueles seres humanos especiais.

Meio a tantas surpresas, Gabriel Pelegrini achou Lurdes que tem o mesmo sobrenome. Parente? Talvez, então se incumbiu de pesquisar. E olha outra revelação: dona Lurdes é ex-aluna da Escola Coração de Jesus. Contou para a professora Madalena e estudantes que foi colega da dona Laura, a atual diretora e que se recorda do tempo em que as Irmãs Beneditinas comandavam o colégio: Estefânia Ricaboni, Maria Benigna de Paoli… “É uma emoção muito grande receber a Escola aqui, onde hoje é a minha casa. Estudei lá e só tenho boas recordações”, registrou.

A Vila São Vicente de Paulo fica na Rua Juvenal Corrêa de Figueiredo, 420 – Centro de Três Pontas. Atualmente, abriga 60 idosos.

As visitas podem ser feitas de segunda a sábado das 14 às 15 horas e aos domingos das 14 às 16 horas. “Faça como a Escola Coração de Jesus-Objetivo: vá e viva o amor ao próximo”.

 

Notícia anterior

Corpo de trespontana morta em acidente na MG-265 será sepultado na tarde desta segunda-feira

Próxima notícia

Trespontanos participam de Mostra de Música Sul-Mineira, no Palácio das Artes