Esporte em Três Pontas

Piloto Guilherme Mesquita, de Três Pontas, é o vice-campeão do Paulista de BMX

O trespontano Guilherme Mesquita fechou o Campeonato Paulista de BMX 2019 em segundo lugar. Como Vice-Campeão, ele comemora na certeza de que encarar as provas oficiais foi uma decisão positiva tomada no ano passado, depois de uma década sem pedalar. O título veio na categoria Cruiser 25 a 29 anos.

Três Pontas muito bem representada: Guilherme Mesquita, Vice-campeão do Campeonato Paulista de BMX 2019

A última etapa do respeitado Campeonato, o maior estadual do Brasil na modalidade, foi sediada por Americana, neste sábado (30) e domingo (1º). Os pilotos buscaram fazer bonito na 30ª edição do evento esportivo. Conseguiram. As disputas na Pista de Bicicross “André Stocovich” foram acirradíssimas e agitaram a cidade.

Ao todo, o Paulista de BMX incluiu dez fases. O trespontano participou de oito delas, acumulando sete medalhas de Vice-campeão e uma de Campeão. As ausências foram na 5ª e na 6ª etapas. “É gratificante estar entre os melhores atletas da minha categoria, mesmo não tendo uma pista em nossa cidade para treinar da maneira que devia.  Mas é aquilo: quem quer, corre atrás, e improvisa até o treino. Assim vamos: improvisando, treinando e correndo em busca dos nossos objetivos. Ano que vem tem mais”, registra o piloto.

No pódio, fechando o Campeonato, junto com Guilherme Mesquita, estiveram:

  • Daniel Calixto do Prado: 1º lugar (piloto de Votorantim/SP, “Ouro” do Pan Americano 2017, 2018 e 2019 e ainda Campeão Brasileiro 2019)
  • Jhonatan Henrique da Silva: 3º lugar
  • Erick Antunes dos Santos: 4º lugar
  • Luiz Flávio de Oliveira: 5º lugar

Pódio da Cruiser 25 a 29 anos, categoria do piloto trespontano Guilherme Mesquita (2º colocado)

Um ano de conquistas

Além do Paulista, Guilherme Mesquita se destacou em outras competições no decorrer de 2019. Ainda pela categoria Cruiser 25 a 29 anos, o piloto foi Vice-campeão Pan-Americano, foi 3° lugar na 4ª etapa da Copa Latino-americana e 4º lugar no Campeonato Brasileiro organizado pela Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC).

E, estreando na categoria Men 25 a 29 anos, ficou em 5ª colocação na Copa Minas de BMX.

“Estou muito feliz. Foi um ano de desafios, mas também de vitórias. Cada momento foi realmente único. Ser um atleta no nosso querido Brasil não é nada fácil, então, tenho que deixar aqui alguns agradecimentos:

  • à Prefeitura de Três Pontas que, por intermédio da Secretaria Municipal de Esportes, acreditou em mim e sempre me ajudou a levar o nome da nossa cidade às competições;
  • aos meus familiares, aqueles que me incentivaram com palavras e com recursos para que eu participasse de campeonatos expressivos como foram, por exemplo, o PAM e o Latino-americano;
  • à Academia Mega Shape;
  • à Fast Signatures;
  • à Associação de Ciclismo Campos do Jordão;
  • e aos clientes e amigos da GM Sports. A GM Sports foi a forma que encontrei para poder me manter no esporte, devido à falta de patrocínios. As vendas pela internet, aqui em minha cidade e nas corridas… as vendas de porta medalhas, vestuários, equipamentos, acessórios para praticantes de BMX, Mountain Bike, Downhill e MX ajudam a cobrir as despesas que são bem caras e, até aqui, me ajudaram a participar desses campeonatos.

A todos, meu sincero obrigado”, finaliza Guilherme Mesquita, ainda festejando o último pódio deste emocionante 2019.


O SintonizeAqui parabeniza o piloto, agradece a oportunidade da divulgação de cada corrida e deseja que em 2020 venham muitas outras conquistas porque notícia boa é com a gente mesmo! Valeu, Guilherme Mesquita!


Um ano de conquistas, celebra Guilherme Mesquita, piloto de BMX de Três Pontas (Fotos: arquivo pessoal)

Notícia anterior

Notas de Falecimento - Sgto. Otávio e Sr. Adolfo Reis

Próxima notícia

Lacre Solidário – Compras de Par de Muletas e cadeira de banho já são frutos da campanha