Outros

Trespontanos são convidados para Missa em agradecimento ao pároco Ednaldo Barbosa

Arlene Brito / Jessica Mesquita Silva 

Na noite de ontem (20) foi celebrada a Missa em Ação de Graças pelos 10 anos de atuação do padre Rogério Augusto da Silva na Paróquia Cristo Redentor de Três Pontas. Agora, ele segue o caminho sacerdotal na Paróquia do Sagrado Coração de Jesus, em Três Corações. O sucessor, padre José Rodrigo Pereira, tomará posse como Administrador Paroquial na quinta-feira (24), às 19h30min, na Igreja Nossa Senhora das Graças, localizada no bairro Catumbi.

E a Paróquia Nossa Senhora d’Ajuda também está com novidade. Na noite de hoje (21), os trespontanos vão se reunir na Matriz para agradecer em oração o tempo dedicado por padre Ednaldo Barbosa ao povo de Padre Victor. Foram oito anos (fevereiro de 2011 a janeiro 2019), período em que o líder se desdobrou em nome da vivificação da fé e se envolveu em mudanças importantes na história religiosa do município.

Na travessia desta quase década, o pároco encontrou muitos desafios. Administrar não é nada fácil em setor algum, e as finanças precisaram ser organizadas – dever cumprido com auxílio da comunidade, presente a cada chamamento. Assim, com pulso firme e credibilidade junto aos fiéis foi fortalecida a devoção à Padroeira Nossa Senhora d’Ajuda com o retorno da Novena à Matriz, seguida de Festa com cardápio variado, música ao vivo e bingo entre outras atrações. Os quatro sinos da torre da Matriz foram restaurados, sendo um deles personalizado, tendo entre os detalhes o nome e a imagem de Padre Victor.

A  Igreja de São Sebastião do Pontalete passou por ampla reforma. O mesmo aconteceu com o interior da Igreja de Nossa Senhora do Rosário do Quilombo e a expectativa é que a recuperação também seja sequenciada para o lado externo deste templo. As obras tornaram as igrejas mais atrativas, materializaram o respeito ao patrimônio, à história de cada localidade – e com maior segurança os devotos participam das novenas, revigorando o fervor ao Mártir e à Santíssima. Ainda na região rural, as igrejas de Santa Rita, no Morro Vermelho e Nossa Senhora Aparecida, na Esmeralda também foram reformadas.

A Padroeira de volta à Matriz

Entre outras melhorias providenciadas pelo pároco, elas são notadas nas capelas de São Pedro no bairro Cidade Jardim, de São Francisco (Hospital) e na própria Matriz – que recebeu, por exemplo,  novos confessionários. E por falar em Nossa Senhora d’Ajuda, a imagem da Padroeira de Três Pontas foi restaurada e será entronizada novamente na noite desta segunda-feira (21).

“Santos” de Três Pontas

Um dos momentos mais apreensivos e gratificantes de padre Ednaldo à frente da Paróquia foi coordenar a preparação da Matriz, da cidade, da cerimônia para a Beatificação do então Servo de Deus, Francisco de Paula Victor. O rito foi concretizado em 14 de novembro de 2015, no Aeródromo Leda Mello de Rezende, mediante a presença de aproximadamente 30 mil pessoas e, entre as autoridades da Igreja, o Cardeal Angelo Amato, representante do Papa Francisco.

No tempo em Três Pontas, ele presenciou duas outras mudanças positivas para a cidade: a abertura do Processo de Beatificação da Madre Tereza Margarida do Coração de Maria – “Nossa Mãe” e a escolha da Terra de Padre Victor como morada pelo Bispo Emérito da Campanha, Dom Diamantino Prata de Carvalho, sucedido em sua missão por Dom Pedro Cunha Cruz.

Mais um momento importante foi a criação da Comenda Padre Victor, Lei 22.857, de 8 de janeiro de 2018, de iniciativa do deputado estadual Dalmo Ribeiro. Ao receber cópia, na Câmara Municipal de Três Pontas, padre Ednaldo comentou que  a honraria mostrará que obra de Padre Victor continua sendo praticada.

Despedida e Acolhida 

A Missa de Despedida do pároco Ednaldo Barbosa (que assume a Paróquia de São João Nepomuceno, em Nepomuceno) e do padre José Rodrigo Pereira (que será o novo Administrador Paroquial da Paróquia do Cristo Redentor) será às 19 horas.

Com a saída dos dois sacerdotes, a Paróquia d’Ajuda será missão do Cônego José Douglas Baroni (que chega da Paróquia de Santa Maria, de Baependi) e do padre Ivan de Souza Carvalho (que se transfere como Vigário Paroquial, da Paróquia de São João, em Nepomuceno). A Missa de Acolhida e Posse Canônica será sexta-feira, dia 25, às 19 horas.

(Fotos: SintonizeAqui, Paróquia N S d’Ajuda, Hecio Rafael) 

Notícia anterior

Sem repasses, Prefeitos se reúnem para enfrentamento da crise financeira em Minas

Próxima notícia

Assembleia da AMM pressiona Governo do Estado a colocar as contas com os municípios em dia