Educação, Cultura e Lazer em Três Pontas

Consciência Negra – Secretaria de Cultura faz vídeo com trespontanos para valorizar a raça negra e reconhecer suas contribuições

A Secretaria de Cultura, Lazer e Turismo de Três Pontas, com apoio da Administração Municipal, criou um vídeo em homenagem ao Dia Nacional da Consciência Negra, comemorado nesta sexta-feira, 20 de novembro.

No audiovisual que está sendo divulgado nas redes sociais da Prefeitura, 20 trespontanos recitam “Ainda assim eu me levanto”, de Maya Angelou, publicado em 1978 (Still I Rise). A poesia se tornou “um hino à resiliência e à dignidade”.

Traduzido em Libras por Gustavo Oliveira, o vídeo vai além da pretensão de lembrar aos cidadãos que hoje é uma importante data festiva do calendário brasileiro, conforme explica o secretário de Cultura Alex Tiso. Para ele e equipe, é hora de retribuição.

“Mais importante do que comemorar o Dia Nacional da Consciência Negra, é  a gente comemorar o dia nacional da consciência humana. Precisamos dar um basta nos muitos casos que ainda vemos de marginalização do negro e reconhecermos a importância do negro na formação da nossa raça, da nossa cultura. Precisamos enxergar e sermos gratos pela influência da importante cultura negra em nossas vidas, pelos afrodescendentes, pela consciência humana que eles trazem para todos nós”, defende o secretário.

Ainda na visão de Alex Tiso, o 20 de novembro é, sim, um dia de luta – mas, de uma luta pacífica por direitos iguais. “Eu deixo aqui o meu abraço sincero e o meu reconhecimento mais profundo pela valorização do negro na nossa cultura, na nossa educação, na nossa saúde, no nosso viver”, registra.

Clique AQUI e assista ao vídeo.

A data

O Dia Nacional da Consciência Negra foi criado em 2003 como um fato importante incluído no calendário escolar — até ser oficialmente instituído em âmbito nacional mediante a Lei nº 12.519, de 10 de novembro de 2011. Em 20 de novembro ocorreu a morte de Zumbi,  então líder do Quilombo dos Palmares – situado entre os estados de Alagoas e Pernambuco, na região Nordeste do Brasil. Zumbi é considerado um símbolo da luta e resistência dos negros escravizados no país, bem como da luta por direitos que os afro-brasileiros reivindicam.

(Fotos: Reprodução)

Notícia anterior

Homem é morto com tiro na cabeça; homicídio aconteceu no centro de Três Pontas

Próxima notícia

Coronavírus – Sobe para 15 o número de mortos pela Covid-19 em Três Pontas