Policiais

Marido agride esposa e é preso; veja também apreensão de drogas em TP

Na noite desta última quinta-feira (3), a Polícia Militar em Três Pontas foi acionada a comparecer em uma residência no bairro Santa Margarida onde uma mulher de 38 anos estava sendo agredida pelo marido de 29 anos.

O motivo da agressão teria sido em razão de uma arma de fogo que a mulher teria visto na cintura de seu marido, sentindo-se ameaçada. Houve uma discussão entre o casal por causa desta arma sendo que, em determinado momento, o marido desferiu um soco contra sua esposa.

No local da ocorrência, a Polícia Militar realizou a prisão do marido agressor e, durante as buscas pela arma de fogo, foi identificado que na realidade tratava-se de um simulacro, sendo então o objeto apreendido.

Imitação de arma de fogo que gerou a briga do casal (Crédito: PMMG-TP)

Abordagem termina na prisão de um homem e em apreensão de drogas 

Também ontem (3), a Polícia Militar durante patrulhamento pela Rua Rolando Girardelli, bairro Vila Marília, em Três Pontas, visualizou um homem de 21 anos na via pública, que ao avistar a aproximação da viatura policial, se portou de maneira suspeita, sendo abordado e encontrado em uma de suas mãos 01 papelote de cocaína embalada tipicamente para venda.

O rapaz assumiu a propriedade da droga e por seu nervosismo, a equipe policial suspeitou de que haveria mais drogas em sua casa, o que foi confirmado.

Na residência, após ser permitida a entrada pelos pais do autor, foram encontradas escondidas numa cômoda que estava na garagem, 47 pedras de crack, dentro de uma pequena garrafa de refrigerante e 03 papelotes de cocaína prontos para comercialização.

Próximo a um muro, ainda no interior da garagem, foram encontrados após serem desenterrados, 06 tabletes prensados de maconha.

O homem foi preso e encaminhado para a delegacia de plantão, junto com os materiais apreendidos, onde o flagrante foi ratificado.

Drogas apreendidas, graças à experiência de policiais que desconfiaram do nervosismo apresentado por suspeito durante abordagem (Crédito: PMMG-TP)

(Assessoria de Comunicação da 151ª Cia PMMG)

Notícia anterior

Aumento de preços em gêneros alimentícios mobiliza associações que representam o comércio mineiro

Próxima notícia

Está aberto o plantão das farmácias em Três Pontas neste mês de setembro