Educação, Cultura e Lazer em Três Pontas

Trespontanos prestigiam lançamento de “Gira”, livro escrito e desenhado por Victor Terra Lima, de apenas 7 anos

Sentado à mesa, posta ao lado da porta principal da aconchegante Cafeteria Cocatrel, Victor Terra Lima escreveu de próprio punho as dedicatórias e autografou 50 exemplares da obra literária intitulada “Gira”. Na manhã ensolarada deste último sábado (16), recebeu amigos da escola, da natação. Abriu sorrisos para familiares, para conhecidos e até mesmo para quem nunca havia visto ao longo dos seus sete anos já bem vividos. Também sem discriminação, posou para incontáveis fotos, afinal toda aquela gente fez questão de registrar sob muitos flashes o encontro com o autor. Foram horas assim, dedicando-se ao propósito daquele dia, todo concentrado – embora um movimento paralelo chamasse a sua atenção de tempos em tempos: coleguinhas que foram até a Cafeteria Cocatrel prestigiar o lançamento do livro aproveitaram e caíram em brincadeiras. Victor comemorou a cada exemplar que saía, ah, mas criança que é, também contou os minutos para se juntar aos companheiros. 

Victor é um garoto muito esperto, é falante e tem um coração grandioso. Ouvir e assistir a histórias, desenhar estão entre os “afazeres” que mais lhe dão prazer. São atividades que apuram ludicamente a fértil imaginação do garoto. E foi brincando que certo dia Victor escreveu e desenhou um livro com o qual presentou uma das orientadoras da escola onde estuda.

Vender, investir, poupar, ajudar: educação para a vida

Embora ainda pequeno, Victor deixa transparecer a garra de um empreendedor. Há tempos pede aos pais para “vender alguma coisa”. As barraquinhas de limonada presentes em filmes, desenhos animados são para ele uma fonte de inspiração. Mas ao saber que por aqui, em sua terra natal Três Pontas, não existe essa cultura, partiu para outra: fez pulseirinhas e comercializou durante um evento em praça central da cidade.

Um ano e meio depois de Victor presentear a orientadora, seu livrinho passou por correção de texto e tradução para o inglês junto com professores. Foi então que surgiu a ideia: se Victor sonha “ter um negócio” por que não começar com seu próprio livro? Com a ajuda do pai do autor, o designer gráfico Milton Lima, nasceu “Gira”, a história de uma girafa que adorava girar!

Impresso na Gráfica Novo Mundo, o projeto “Gira” se transformou em 500 exemplares e em instrumento para o crescimento de Victor. A mãe, Paula Terra, conta que 50% das vendas ficarão para o autor. “Parte ele investirá comprando um brinquedo, já decidiu. A outra, ele vai poupar. Assim, começará a vivenciar a educação financeira”, explica.

A metade seguinte será doada para a Casa Lar de Três Pontas. “Ajudar uma instituição, compartilhar é algo que ele está aprendendo e que será útil para a vida toda. Ser solidário, saber dividir é fundamental para sua formação humana, para que ele siga generoso como já é”, defendem os pais. Milton e Paula optaram ainda, e Victor concordou, que todos os centros de Educação Infantil do município (creches) serão presenteados com exemplares do livro “Gira”.

Onde adquirir?

Os livrinhos de Victor estão sendo vendidos na Speciale Paneteria e na secretaria do Colégio Prósperi. Em breve haverá página para venda on-line. Cada exemplar custa R$ 10.

Vem aí… A Iguana

Entusiasmado, Victor Terra Lima conta que estava assistindo a um desenho… daí: “tive a ideia de fazer Luana, a iguana medrosa. Esse vai ser o próximo livro”, revela.

E você se lembra do empreendimento que encanta o garoto? Olha ele aí, seguindo na imaginação, no planejamento do jovem autor, porém já adequado à realidade local: “vou fazer uma barraquinha de livros. Leva o livro e um copo de limonada”.

(Fotos: Milton Lima e Paulo Prado)

 

Notícia anterior

Se precisar, drogarias estão de plantão em Três Pontas neste sábado e domingo

Próxima notícia

Guilherme e Gustavo Mesquita, de Três Pontas, são pódio na Copa Minas de BMX