PoliciaisRegionais

Acidentes fatais marcam o final de semana em MG; entre as vítimas está um padre bastante conhecido em Três Pontas Veja também: idosa de 90 anos é estuprada após festa de aniversário

Jessica Mesquita Silva

O final de semana prolongado foi marcado por acidentes com vítimas fatais nas estradas do Sul de Minas Gerais. Foram contabilizadas sete mortes.

Em Cambuquira, o padre Edvar Rodrigues Rangel, 45 anos, perdeu a vida na noite do domingo (18). O acidente ocorreu na BR 267. O padre dirigia um fusca quando rodou na pista, bateu em um caminhão e depois caiu em um barranco.

Padre Edvar atuava na Paróquia Sant’Ana, em Varginha e exerceu o ministério sacerdotal também em Pedralva, São Lourenço e Carmo de Minas. Em Três Pontas, ele desenvolveu as atividades de seminarista na Paróquia Nossa Senhora Aparecida. Depois, em várias ocasiões, presidiu a Celebração Eucarística e pregações na Igreja Matriz Nossa Senhora d’Ajuda, por ocasião da novena da padroeira e novena do Beato Padre Victor.

De acordo com a Diocese da Campanha, o velório está acontecendo na Paróquia Sant’Ana, em Varginha. Às 15 horas foi celebrada a Missa de Corpo Presente, presidida pelo bispo Emérito, Dom Diamantino Prata de Carvalho.

Amanhã (20), o corpo será levado para São Sebastião do Rio Verde, cidade natal, onde será velado e sepultado.

Padre Edvar, no próximo dia 8, completaria 20 anos do ministério sacerdotal.


Em Bandeira do Sul, um motociclista de 41 anos morreu ao se envolver em um acidente na manhã do domingo (18). Segundo a Polícia Rodoviária Federal, a moto e o caminhão bateram de frente.

A motocicleta ficou completamente destruída depois da colisão (Foto: G1)

Vítimas fatais não utilizavam o cinto de segurança (Foto: G1)

Em Passos, um homem de 32 anos e uma mulher de 62 também perderam suas vidas na madrugada de domingo (18). O homem dirigia uma caminhonete. Já a mulher era passageira de um outro carro. Segundo os bombeiros que prestaram atendimento à ocorrência, os veículos bateram de frente na MG 050. Os bombeiros informaram ainda que nenhuma das vítimas fatais utilizava o cinto de segurança no momento do acidente.

Já na MG 350, trecho que liga Delfim Moreira e Itajubá, um homem de 55 anos morreu e três pessoas ficaram feridas em um acidente na tarde de sábado (17). O acidente foi entre um carro e um caminhão. Os veículos bateram de frente.

Motorista perdeu o controle, bateu em um barranco e capotou (Foto: Corpo de Bombeiros)

Na madrugada de sábado (17) mais um acidente fatal: um homem de 35 anos morreu após ser arremessado do carro que dirigia. O acidente ocorreu na BR 383 entre Itajubá e Maria da Fé. Conforme informações divulgadas pelo Corpo de Bombeiros Militar, o motorista perdeu o controle do veículo, bateu em um barranco e capotou. Com a batida, a vítima foi arremessada para fora do carro. Uma outra pessoa que também estava no carro ficou presa entre as ferragens. Esse último teve uma fratura exposta na perna esquerda e foi encaminhado para o hospital de Itajubá.

Em Congonhal, na BR 459, um ciclista de 43 anos foi atropelado por um motorista embriagado na noite de quinta-feira (15).

Covardia

Em João Pinheiro (MG), uma idosa de 90 anos foi estuprada na noite deste sábado (17). O crime ocorreu em uma pensão no Bairro Esplanada, por volta das 22 horas. De acordo com a Polícia Militar, a idosa foi violentada depois de ter comemorado seu aniversário com um churrasco. Quando a festa terminou, os familiares da vítima foram embora. Contudo, o suspeito de cometer o crime foi ao quarto da idosa e a violentou. Durante o ato, a idosa foi agredida com socos e foi enforcada. O suspeito, um homem de aproximadamente 50 anos, ainda não foi encontrado. A vítima foi encaminhada para o hospital da cidade.

Notícia anterior

É sonho ou realidade? Descubra o que fizeram alunos e professora da Escola Coração de Jesus-Objetivo de Três Pontas

Próxima notícia

Melhores Cafés Cocatrel 2018/2019 Serão Anunciados Nesta Terça-Feira