Policiais

Policial – Base de Segurança Comunitária de Três Pontas lidera ranking mineiro de melhor desempenho, em junho

A Polícia Militar de Três Pontas recebeu elogios. Os aplausos se referem aos resultados obtidos pela Base de Segurança Comunitária (BSC) do município. De acordo com o Caderno Metodológico de Indicadores e Metas das Bases Comunitárias da Polícia Militar de Minas Gerais, do último dia 18, no mês de junho, a BSC trespontana ocupou o primeiro lugar no ranking, apresentando, portanto, o melhor desempenho operacional em todo o estado. Minas conta atualmente com 214 BSCs.

No relatório consta que a BSC de Três Pontas, identificada como Setor 24.151.1 – Oeste ocupou as seguintes posições.

  • Indicador de Boletins de Ocorrência: 7°
  • Taxa de Reação aos Crimes e Contravenções: 21°
  • Indicador Qualificado de Furto: 12°
  • Indicador de Visitas Comunitárias: 34°
  • Indicador de Reunião Comunitária: 46°
  • Indicador de Ação Cívico Social: 8°

Na manhã desta terça-feira (25), em solenidade na sede da 151ª Companhia, o comando regional reconheceu publicamente o empenho dos militares que atuam na cidade de Três Pontas.

Base de Segurança Comunitária de Três Pontas apresentou o melhor desempenho operacional em junho, entre as 214 BCSs de MG

O 1º Ten PM, Maycon Saturnino Neves, oficial que comanda o setor no qual a BSC de Três Pontas é trabalhada, relata que acompanha diariamente o trabalho que vem sendo prestado pelos militares da Base e que está atento às demandas que cada um deles apresenta para melhor desempenhar suas funções. “O foco comunitário é algo que a polícia tem em sua essência. A integração da comunidade com a polícia é um elemento fundamental para a efetiva instalação da segurança pública”, destaca.

Para o Sub Ten PM Marcos Vinício de Faria, “o canal de proximidade propiciado pela BSC estimula a interação e aumenta os vínculos de confiança com a comunidade ordeira, gerando rapidez no fluxo de informações, com oportunidade e em tempo hábil para o desfecho – com êxito – das mais variadas atividades policiais, tanto preventivas como repressivas”.

Melhorar sempre

A Base Comunitária (BC) é um serviço de prevenção criminal prestado pela Polícia Militar, com o apoio e participação da comunidade. Já a Base de Segurança Comunitária (BSC) se consolidou em Minas Gerais a partir do programa do governo “Mais Segurança” com o foco especial na setorização do policiamento como estratégia de segurança pública preventiva, cujo procedimento consiste em organizar o ambiente/espaço de atuação através da proximidade/interação com a comunidade em atenção aos problemas que afetam a qualidade de vida local.

A Polícia Militar de Minas Gerais vem desenvolvendo e aprimorando seus processos com o objetivo de otimizar o seu desempenho nas diversas áreas de gestão, como forma de garantir a melhoria contínua na prestação de serviços à sociedade, conforme previsto no Plano Estratégico 2020-2023, projeto 2.2.4 Base de Segurança Comunitária.

Um processo que se mostra efetivo nesse desafio de melhorar a produtividade, consequentemente, os serviços prestados às comunidades mineiras,  é a aferição dos resultados, por meio da Gestão do Desempenho Operacional (GDO). As Bases Comunitárias são avaliadas por metodologia de indicadores e metas. Os quesitos avaliados, as metas estipuladas, bem como a forma de apuração estão descritos no Caderno Metodológico de Indicadores e Metas das Bases Comunitárias – no qual a BSC de Três Pontas ocupa lugar de destaque.  

(Fonte/Fotos: Assessoria de Comunicação Organizacional 151ª Cia PM)

Notícia anterior

Encontro Espírita do Sul de Minas tem edição online neste final de semana

Próxima notícia

Sucesso - Apae convida para o Desafio e trespontanos gravam vídeos com a Música Ser Diferente é Normal